Pandemia do Coronavírus Causa Queda Histórica do Bitcoin!

A primeira e mais famosa moeda virtual, o Bitcoin sofreu um grande baque na última semana, desvalorizando cerca de 50%. Tão grande foi sua decaída, que a sua cotação ultrapassou o valor mínimo considerado pelos investidores de U$5mil.

Em um ano em que as perspectivas vinham sendo das melhores, onde em janeiro o criptoativo obteve uma alta de 32%, enquanto outros ativos mais tradicionais estavam em baixa, essa queda foi bastante dolorosa para os entusiastas e investidores da principal moeda digital do mercado.

CoronaVírus

O principal movimento dessa queda brusca, está sendo o pânico das pessoas em relação ao coronavírus, pois as mesmas estão fazendo resgates para fazer caixa por medo de um futuro incerto.

Na sexta feira dia 6 de março, o Bitcoin chegou a bater os U$9.122,55l (R$44,1 mil). No entanto, sua queda deu início durante o fim de semana juntamente com as péssimas notícias do coronavírus, com o aumento do número de vítimas fatais e com a declaração da Pandemia.

Outro marco histórico negativo do Bitcoin na última semana causado pelo covid-19, foi a pior queda dentro de 24horas. Na última quinta feira (12), a moeda teve uma queda de 35% dentro de apenas 1 dia. 

Oportunidade?

Para investidores aventureiros, o tombo pode ser uma grande oportunidade compra, já que por muitas vezes, o Bitcoin já provou ter um alto potencial de valorização e bastante liquidez. Por isso, a desvalorização deixa a moeda a um preço mais acessível e atrativa pensando em lucros a longo prazo.

Porém, é sábio tomar cuidado, pois vivemos um momento de incertezas, onde o mercado econômico está entrando em colapso.

Quer saber mais notícias sobre o mercado de criptomoedas? Nos siga nas redes sociais e continue acompanhando nosso blog.